Vejo muita gente querendo montar uma loja virtual, mas que  acaba ficando travada. Por isso, resolvi fazer esse post, para mostrar um tema bem importante e que muitos ignoram, a parte jurídica que você deve estar por dentro, para que sua loja virtual seja um sucesso.

Muitas pessoas querem montar uma loja virtual, mas na realidade o que elas querem mesmo é saber como vender pela internet. Esse simples erro de querer uma coisa e precisar de outra acaba afundando grande parte das pessoas que começam uma loja virtual. O trabalho começa bem antes de colocar a mão na tecnologia e termina (ou nunca termina) depois da loja virtual estar no ar. Está pronta, amiga empreendedora? Então, vamos lá!

Leia mais

7 PASSOS PARA VOCÊ MONTAR SUA LOJA VIRTUAL

5 DICAS PARA MELHORAR A GESTÃO DO SEU NEGÓCIO EM 2017

Entenda as leis para montar uma loja virtual

Existe ainda muita gente que acha que comprar na internet é inseguro e que é um território sem lei. Como em todos os lugares existem bons e maus competidores. A minha missão é oferecer o melhor para vocês, consumidores. Por isso minha preocupação em ter um ótimo produto, atendimento, trocas e muito mais. Porém, vamos voltar ao assunto pra que você entenda o que são essas leis.

Lei do e-commerce

A lei que padronizou todo mundo que faz um e-commerce sério no Brasil entrou em vigor em março de 2013, é o Decreto Nº 7962/2013 conhecido também como a lei do e-commerceSe você quiser dar uma olhada completa na lei você pode ver direto no site do planalto.

Emissão de nota fiscal

Um pergunta recorrente que recebo é: “Preciso emitir nota fiscal para vendas online?” Para qualquer tipo de transação comercial no Brasil você precisa emitir nota fiscal. Alguns amam, outros odeiam, mas o fato é que todos precisam fazer a emissão da nota fiscal no formato eletrônico a conhecida NFe.

As notas podem ser emitidas diretamente através do site da receita. Dá um pouco de trabalho, mas ele é totalmente gratuito e para quem está começando e ainda tem um baixo volume de pedidos é uma ótima alternativa. E essas foram as abordagens jurídicas sobre o e-commerce. É muito importante estar por dentro desses assuntos, quando falamos de pequenas lojas virtuais. Além disso, lembre-se sempre que o atendimento ao cliente é um dos maiores diferenciais e vejo, dia após dia, empreendedores deixando de usar isso a seu favor.

Se você está começando agora e pretende crescer sua loja virtual com tranquilidade, recomendo que comece focando no cliente e com todos assuntos legais em dia. E aí, tem algum tema jurídico que não abordamos aqui? Deixe seu comentário, vamos trocar figurinhas sobre esse tema.

vip_whatsapp-var