Amiga empreendedora, você já criou o seu canal no YouTube? Sabia que é possível gerar receita com ele? É isso mesmo, além de poder ter essa ferramenta incrível para ajudar a sua audiência com conteúdos relevantes, após atingir um certo número de visualizações você recebe o direito de exibir anúncios de outras marcas relacionadas e ganhar dinheiro por isso. Vou te contar tudinho sobre isso, continue lendo!

Crie conteúdo original

Separei 3 dicas para te ajudar a monetizar no YouTube. A primeira delas é semelhante as outras redes sociais e a um dos principais fatores de rankeamento do Google: originalidade do conteúdo. Portanto, nada de ficar reproduzindo conteúdos criados por outras pessoas. O primeiro passo para ser selecionado pela monetização do YouTube é criar seus próprios vídeos.

A maior rede de reprodução online de vídeos desenvolveu um centro de criação, lá você encontra ótimos recursos que irão te ajudar fazer vídeos incríveis, encontrar seu público e desenvolver seu canal. Acesse por aqui!

Leia Mais

• Talento é chave do sucesso? Não, o nome disso é disciplina

• 5 coisas que você deve fazer pra ser uma empreendedora de sucesso

Desenvolva seu público

O segundo fator de sucesso para o seu canal é o desenvolvimento da audiência. Por isso, o próprio YouTube criou um curso grátis para você que deseja aumentar seu público, aqui estão os tópicos abordados com os devidos links:

Aumente seu público

AULA 1:  Pesquisa e descoberta no YouTube

AULA 2: Criar títulos e miniaturas eficazes

AULA 3: Crie descrições inteligentes

AULA 4: Aproveite ao máximo os cartões

AULA 5: Crie playlists para manter o público interessado

Ative a monetização

Por último e não menos importante: como ativar a monetização? Primeiramente você precisa ter 10.000 (dez mil) visualizações no seu canal. Olha essa regrinha que está no página de suporte oficial do YouTube: ” A partir de 6 de abril de 2017, os canais com menos de 10.000 visualizações não poderão veicular anúncios nos vídeos. “

Amiga, aqui está um resumo do que é preciso fazer para começar a gerar renda com o YouTube, as instruções estão completas na página de suporte:

Etapa 1: leia e concorde com os termos do Programa de parcerias do YouTube

Etapa 2: inscreva-se no Google AdSense

Etapa 3: configure as preferências de geração de receita

Etapa 4: seja analisado (depois de atingir 10.000 visualizações no canal)

Amiga empreendedora, tenho certeza que essas dicas irão te ajudar a ter um canal no YouTube e gerar resultados. Você terá muito mais do que um simples canal institucional, você terá uma ferramenta poderosa que irá atrair clientes e receita para o seu negócio. E por falar em atrair clientes, já se inscreveu no meu canal? Vemmm aproveitar as dicas diárias que rolam por lá!