Chegou a hora de saber quem é o nosso cliente de verdade, ou seja, criar personas para definir o nosso público-alvo, para quem vamos vender nosso produto. O cliente sabe exatamente onde é o ambiente dele, quais os comportamentos esperados pela marca que ele gosta, da originalidade que ele busca no mercado.

Sendo assim, o ponto chave para oferecermos algo de qualidade e melhor direcionado está na identificação, no conhecimento e no valor que damos aos nossos clientes.

Como criar as personas?

Você deve, de fato, dar um rosto para ele, como essa foto de chamada do post, sabe? Identificar idade, onde mora, o que faz e como usa as redes sociais. Está na hora de contar a história de vida do seu cliente, quais as características, do que gosta, quais os comportamentos mais comuns e como é o cotidiano dela.

Em seguida imagine por que essa pessoa comprará o seu produto, onde e como será útil para ela. Quais as preocupações que ela tem se não usa o seu produto? Quais os comportamentos relativos à sua idade, o lugar que mora, seu círculo social, os gostos particulares dela, o que ela busca na vida, o que a desmotiva, o que você faz que não agradaria ela?

Chegou a hora de pensar como essa pessoa ficaria satisfeita usando seu produto ou serviço, como sua empresa proporcionaria momentos perfeitos na vida dela.

Resumindo: estude o que ela fala, escuta, enxerga, faz, pensa, sente, suas dores e o ganho que terá consumindo o que você oferece, simples assim!

Leia mais

Devo fazer pesquisa de mercado?

O que é nicho de mercado online

Por que isso?

Olha, investir em um produto ou serviço é muito difícil, então ter foco, direcionamento e informação para trabalhar é que nos diferencia, que faz com que a nossa persona crie uma identidade perfeita com a nossa marca.

Se você conhece suas personas, com certeza absoluta vai ganhar mais dinheiro e dar mais satisfação ao consumidor final. Vou te dar uma outra dica: apesar de todas ferramentas de marketing modernas, avançadas e eficazes, eu considero o boca a boca um excelente indicativo de que estamos no caminho certo.

As pessoas costumam se relacionar por afinidade com quem tem os mesmos gostos e tendências, sendo assim, teremos indicação a todo momento e movimentação nas redes sociais com positividade para a marca.

Quando começar?

AGORA! Não se afobe e queira criar várias personas de uma vez. O ideal e identificar uma primeira, aquela que dará ideias para outras e assim por diante.

Agora que você já leu e imaginou como seria uma persona ideal, pegue essa ferramenta que estou disponibilizando aqui e comece a criar.

Essa é uma ferramenta das mais simples, primárias, para que você possa compreender ainda mais o conceito e depois é só evoluir e ir dando mais corpo às suas criações.

Até mais e sucesso!