O dia a dia de uma empreendedora não é fácil. São contas, decisões difíceis e muitos desafios. E, nessas horas, uma dose de motivação é essencial para manter o seu sonho vivo.

Existem 2 tipos de motivação: a interna e a externa. Qual será a ideal para você?

Qual realmente faz com que deixemos o desânimo de lado e coloquemos a mão na massa para fazer a nossa ideia funcionar?

Motivação externa

Esse tipo de motivação é, talvez, a mais fácil de ser encontrada e a que tem efeitos imediatos. E não é por menos. Na externa, é necessário um outro elemento para que a vontade de alguma ação aconteça.

Isso quer dizer que pra você emagrecer, por exemplo, precisa de um profissional acompanhando os resultados. Se você quer aumentar a produtividade do seu negócio, precisa de um consultor ou algum coach pra te incentivar a dar o seu melhor.

No entanto, não precisa ir muito longe: se deseja viajar para algum lugar, coloque uma foto do destino em um local que você veja todos os dias. Essa é uma forma de visualização, que te motiva cada vez que você olha para a imagem.

A motivação externa é bem interessante, pois é quase ligada a quem tem metas e objetivos. São pessoas que sabem o que querem, mas, nem sempre sabem como chegar lá. Por isso, necessitam de um mentor que lhes incentive. Caso não tenha, coloque seus planos no papel.

Motivação externa funciona?

Quando seus sonhos estão lá por escrito, fica mais fácil visualizar como serão na realidade. Pode não parecer, porém, isso já é uma forma de motivação. E ela é externa porque você pega o papel e vê os seus sonhos, e também interna, pois esses valores estarão na sua mente onde quer que você vá.

Talvez esse tipo de motivação tenha resultado se o seu negócio já está em funcionamento há algum tempo e quer alcançar o próximo nível. No momento que você sabe que a sua missão e visão estão quase se realizando.

Leia Mais:

Como cultivar motivação em momentos difíceis

O sucesso não é fácil, e você precisa saber disso

Motivação interna

Esse tipo de motivação é a mais importante, pois é algo que vem de dentro de nós. É também a mais difícil de ser explorada, já que ela depende de valores nossos. Sendo assim, temos que encontrar o lado positivo em meio a uma bagunça.

E, sinceramente, nem sempre conseguimos isso de primeira. Nossa reação inicial é reclamar e logo depois começar a enxergar o problema maior do que ele é. E é nesse momento que devemos sentar e encontrar a nossa força interior.

Minha motivação interna

Você pode não acreditar, mas eu comecei a Francisca Joias com 50 reais. Já trabalhei muito e, depois da Francisca, o trabalho não diminuiu. No começo eu me dedicava para que aquele dinheiro investido desse resultado, afinal de contas eu sempre quis ter a minha liberdade financeira.

Com o passar do tempo, quando vi que com 50 reais eu consegui 300 reais de lucro, percebi que os resultados dos meus esforços iam além do que eu esperava se eu me dedicasse.

Fui em frente, cai, levantei e a cada passo percebia que estava mais próxima dos meus sonhos. Não foi fácil, pois os desafios crescem à medida que o seu objetivo se torna maior.

Você deve aprender a perceber como superar cada desafio. Os cases de sucesso que vemos teve muito trabalho duro e dedicação por parte desses empreendedores.

É muito aprendizado, é muito “não” que você recebe no começo.

E a motivação interna começa aí. “Mas e depois?”, você deve estar pensando. É possível sim, continuar tendo essa motivação à medida que o seu negócio cresce. Especialmente quando as coisas não saem como você esperava.

O que eu quero dizer com tudo isso é que você precisa desenvolver essas duas motivações, pois cada momento pede que uma delas seja usada pra te dar forças para seguir em frente.

Não é simples, mas você precisa colocar isso em prática. O sucesso do seu negócio só depende do seu esforço. E, caso tenha um sócio, incentive-o também para que ele encontre a melhor forma de alcançar o potencial dele.

Conclusão

Algumas pessoas lidam melhor com a motivação interna outras, com a externa, mas, o que você tem que levar em consideração é que os dois são essenciais para que você atinja as suas metas e objetivos.

Percebendo isso, as chances de você incentivar melhor os seus colaboradores também é maior. Use em você e também com as pessoas à sua volta. Essas ações contribuem para que o seu sonho se torne realidade e cresça ainda mais.

Quer mais dicas de como se motivar? Inscreva-se no meu canal do YouTube e acompanhe meu Facebook e Instagram.

e-book-e-commerce-sabrina-nunes