Ter concorrência é o que garante o sucesso do nosso negócio. Estar sozinho em qualquer área só tem um caminho, a zona de conforto. Ninguém consegue crescer, ter destaque e sucesso sem ação. É preciso se movimentar e estudar para crescer e entre tantos assuntos que os empreendedores precisam se debruçar, o nosso concorrente é um tópico importante.

Então você precisa aprender a analisar e compreender que pode te prejudicar e quem pode te fazer crescer, vamos com as dicas para analisar os concorrentes de maneira correta.

1  Tipo de concorrências

Nós temos a concorrência direta e indireta e são elas que interferem diretamente no nosso mercado. A concorrência direta são aquelas empresas que oferecem exatamente o mesmo produto ou serviço que o seu empreendimento. Imaginem Garoto e Nestlé, mesmo produto, com suas particularidades, brigando pelo mesmo espaço.

Já a concorrência indireta são as empresas que concorrem pelo mesmo mercado com produtos diferentes dos nossos. Comparem Cacau Show e O Boticário, concorrem pelo mercado de presentes com mercadorias opostas, mas que toda pessoa gostaria de ganhar.

2  Como identifico meus concorrentes?

Pesquise dados sobre: as maiores empresas do setor, empresas que oferecem produtos similares na mesma região,  notícias de negócios que estão se destacando, participe de diversos eventos, feiras, congressos, palestras e afins e observe quais empresas do seu setor estão participando, converse com aqueles concorrentes que você identificou, converse com seus fornecedores, seus consumidores e com os potenciais clientes.

Quanto mais informação conseguir reunir nesse momento é essencial para identificar o concorrente, como ele age, o que faz, o que as pessoas pensam ao seu respeito, como ele se posiciona no mercado, o que os nossos clientes pensam deles, tudo bem detalhado é muito importante.

Leia mais

5 coisas que você deve fazer para ser uma empreendedora de sucesso
Dicas infalíveis para vencer a concorrência

3 Análise da concorrência

Chegou a hora mais legal, descobrir como a concorrência influencia o mercado em desfavor do nosso negócio. Tem um procedimento que vai precisar fazer e eu vou te ensinar, reúna sua equipe e faça uma grande dinâmica para ter uma visão mais ampla.

Vamos ao passo a passo:

1º – liste seus concorrentes diretos;

2º – liste seus concorrentes indiretos;

3º – defina os fatores críticos;

4º – compare o seu negócio com o dos concorrentes;

5º-  analise os resultados.

Após cada detalhe desses que eu disse, você vai precisar de muita atenção, paciência e dedicação para analisar todos os pontos necessários. A finalidade é compreender totalmente quais são os fatores que influenciam o cliente durante a decisão da compra e porque escolhem tal marca ao invés da outra.

Conhecer seus concorrentes é essencial para uma boa manutenção no mercado. Mais algumas coisas que podem te ajudar nesse processo, que são: pesquisar o que já saiu na mídia sobre seus concorrentes, buscar informações com os próprios concorrentes, acessar e estudar as redes sociais deles, conversar com clientes e com pessoas que empreendem ou trabalham no mesmo ramo que você.

Vale a pena demais se dedicar nesse processo, novos concorrentes surgem a todo instante e é preciso estar atento com o dinamismo do mercado. Fortalecer o nosso diferencial faz com que fique mais difícil entrarem no nosso terreno com surpresas.

Vamos trabalhar e melhorar!